Segurança nas Escolas

A importância das medidas de Segurança nas Escolas

A Segurança deve ser uma preocupação comum a todos os membros da comunidade escolar – pessoal docente e não docente, alunos, pais, encarregados de educação e representantes autárquicos.

Além de um bom conhecimento e informação neste âmbito, deve-se criar uma cultura de segurança, nomeadamente interiorizando procedimentos e comportamentos e adotando as necessárias medidas de prevenção.

É recomendável que a temática da segurança esteja integrada no Projeto Educativo da escola, tendo em vista uma melhor sensibilização de todos e contribuir para desenvolver um comportamento coletivo de segurança.

Faz-se necessário que sejam criados documentos como Manuais de Utilização, Manutenção e Segurança das Escolas para ajudar os órgãos de gestão dos estabelecimentos de educação e de ensino a encontrar, em cada escola, soluções apropriadas à resolução dos problemas que se colocam em termos da segurança de pessoas e bens.

Muito se fala e se discute também à respeito da violência nas escolas, mas na realidade pouco se faz para a resolução deste grande problema que assola a nossa sociedade e que tem causado tantos traumas entre alunos, professores, pais ou responsáveis pelos alunos.

Plano de Prevenção

Todos os estabelecimentos de educação e de ensino devem elaborar um Plano de Prevenção com os seguintes objetivos:

– Identificar, prevenir e reduzir os riscos de ocorrência e desenvolvimento de incêndios e garantir a permanente operacionalidade dos meios, dispositivos e equipamentos ligados à segurança contra incêndio.

– Definir as regras de segurança, de exploração e de comportamento a adotar.

– deverá ser elaborado em conformidade com as normas de segurança vigentes à época e conter:

a. informações relativas ao estabelecimento e às pessoas que compõem a estrutura interna de segurança;

b. plantas de segurança;

c. programas de conservação e manutenção;

d. caderno de registo da segurança.

Plano de Emergência

O Plano de Emergência tem por objetivo a preparação e a organização dos meios próprios do estabelecimento de educação e de ensino.Visa circunscrever os sinistros e limitar os seus danos, sistematizar a evacuação enquadrada dos ocupantes e facilitar a intervenção dos bombeiros.

Deve ser elaborado de acordo com as normas de segurança vigentes voltadas aos estabelecimentos escolares e conter:

– informações relativas à organização da segurança;

– o plano de ação; – o plano de evacuação.

Plano de Ação

O Plano de Ação deve contemplar, com base no conhecimento prévio dos riscos existentes em cada estabelecimento, a organização e a pormenorização das ações e dos procedimentos a adotar numa situação de emergência.

Plano de Evacuação (Abandono)

O Plano de Evacuação deve estabelecer os procedimentos a observar por todo o pessoal do estabelecimento, docente e não docente, relativos à articulação das operações destinadas a garantir a evacuação ordenada, total ou parcial, rápida e segura dos ocupantes para o exterior no caso de ocorrência de situações consideradas perigosas.

Responsabilização pela Segurança nas Escolas

O responsável pela segurança de cada estabelecimento de educação ou de ensino é o seu órgão de gestão, que poderá delegar a um outro profissional a gestão da segurança. O responsável pela segurança deve promover e coordenar a elaboração dos planos de prevenção e de emergência, envolvendo a comunidade educativa no sentido de uma maior abrangência e co-responsabilização.

O Gestor do estabelecimento de ensino deverá promover treinamentos periódicos dos procedimentos à serem adotados nas mais diversas situações de riscos que podem eventualmente ocorrer no ambiente escolar com a participação de todos que fazem parte da população escolar.

Com uma equipe de segurança profissional orientada por um Gestor de Segurança aliada a uma metodologia tecnológica eficiente, poderemos apresentar planejamentos sobre sistemas de segurança pessoal e patrimonial que possam atender as expectativas dos pais, responsáveis, alunos e professores da instituição, melhorando consideravelmente a nível de segurança e diminuindo os índices de violência no ambiente escolar.

Fernando Vieira

Website:

Deixe uma resposta